Buscar
  • expandjr

Importância das parcerias para quem está iniciando um negócio

Atualizado: Jul 11

Por Laura Asbeg


O esquema de parcerias estratégicas deve ser prioridade do empreendedor que deseja expandir não somente seu negócio, como também sua visão ética de mundo através da capacitação e da liderança. A lógica do mutualismo entre empresas ("ganha-ganha") consiste basicamente em procurar colaboradores e/ou parceiros (sejam concorrentes, fornecedores ou de outro ramo) cujos interesses estejam alinhados com a política da empresa associada que também deverá estar disposta a dividir a conta. Para além disso, deve-se ter em mente as demais competências que ambas tenham a oferecer e/ou que devam ser aperfeiçoadas na gestão interna da empresa ou via parceria. O resultado poderá ser surpreendente: beneficiamento coletivo, com direito a inovação e melhorias, a zero custos! É preciso, no entanto, estar atento ao firmar acordos de parceria para que não se atinja um grau elevado de codependência, uma vez que as ações de um, serão refletidas nas de outro, estando os lados sujeitos a constantes oscilações e, consequentemente, impactos que prejudiquem a todos. As parcerias devem, ainda, priorizar a união entre organizações acima de áreas ou pessoas exclusivamente, visto que as últimas estão sujeitos à alta rotatividade, impossibilitando um laço mais forte entre as partes a longo prazo. Trata-se, portanto, de pensar a parceria como mecanismo inteligente de planejamento de sua empresa, visando incorporar princípios e valores à mesma, bem como estabelecer um networking entre pequenos, médios e grandes negócios. O empreendedor que não souber lidar com outros pontos de vista e não estiver aberto ao diálogo, certamente encontrará dificuldades durante o processo de negociação, cujo foco, além da convergência de objetivos e a formação de uma "aliança", também deve estar na habilidade de fazer concessões e reciclar propostas e ideias. Podendo ser de cunho financeiro ou até mesmo para fins de divulgação de uma marca, a parceria deve estar sustentada no desenvolvimento mútuo de seus participantes através do aprendizado de seus prestadores de serviço/produto, além da garantia da qualidade desses para a sociedade. Diante de um cenário econômico competitivo em reaquecimento, as parcerias se mostram uma ótima solução para os empresários que enfrentam os efeitos de sucessivas crises como a falta de recursos, mas que ainda não perderam as esperanças de se inserir no circuito mercadológico global. Um equívoco comum entre muitas empresas, no entanto, é a falsa noção de que essas parcerias não seriam vantajosas nos casos de concorrência ou de negócios complementares. Alguns exemplos que contrapõem claramente esse argumento podem ser vistos a seguir: caso da Negocioteca, empresa de consultoria virtual para microempreeendedores que se juntou a We Do Logos, site concorrente e de serviço complementar à mesma. A troca? Capacitação de negócios e marketing por soluções de identidade visual. O resultado? Um aumento de 50% do número de acessos ao site da Negocioteca que ofereceu a We do Logos um público seleto de clientes pré-dispostos a investir no conteúdo da "adversária" (80%). Ou seja, no final, a balança se equilibrou e ambas extraíram seus respectivos ganhos. Outro exemplo que também segue essa linha de raciocínio se deu no mercado de educação financeira entre duas escolas: Renovatio Educação e XP Educação, no mercado há mais tempo. O motivo por trás da associação? Credibilidade para a novata Renovatio e a concepção de estar capacitando parceiros e não concorrentes aos olhos da veterana XP. A mesma situação se repetiu com a aceleradora 21212 e uma multinacional de tecnologia, onde a troca se deu no âmbito da inovação tecnológica e do empreeendedorismo digital. Então, o que você está esperando? A união faz a força!


Benefícios das parcerias para o seu negócio


  • Compartilhamento de pontos fortes com o intento de gerar desenvolvimento, ampliação do público-alvo da empresa e melhorar sua performance no mercado;

  • Custos, investimentos e riscos reduzidos, porém soma de esforços e recursos, objetivando otimizar oportunidades e desafios impostos pelo mercado;

  • Ampliação da imagem e do poder de alcance das empresas parceiras gerando mais venda, produção e produtividade;

  • Novas possibilidades de negociação com fornecedores e consequente redução de custos no atacado;

  • Redução nos preços para clientes, com o aumento de vendas e custos reduzidos.


Malefícios das parcerias para o seu negócio


  • Risco de aliar-se a uma empresa cuja qualidade do produto/serviço é inferior e ter sua publicidade afetada negativamente;

  • Discrepâncias ideológicas e divergências com o público.


Para evitar tais complicações, é necessária uma análise comparativa aprofundada, além de uma pesquisa que revele quais empresas possuem perfis e necessidades semelhantes a sua. Somente assim, pode-se chegar a uma conclusão razoável sobre com quais negócios deve-ser estabelecer algum vínculo e prosperar conjuntamente.

Aguarde próximas postagens no nosso blog para saber mais sobre os principais tipos de parcerias empresariais!


#parcerias #negocios #expandir #ej


Fonte: https://oglobo.globo.com/economia/emprego/empreendedorismo/empresas-estabelecem-parcerias-estrategicas-para-crescer-12564047

4 visualizações
Cópia de Cópia de Cópia de Sem nome (1).

AINDA COM DÚVIDAS?


Nós temos a solução! Fale com um de nossos especialistas. 

Logo Nova.png

ENDEREÇO

Av. Pasteur, 250 - Urca

Rio de Janeiro - RJ
Universidade Federal do

Rio de Janeiro - UFRJ

CNPJ: 28.318.312/0001-67

Feito com     por Graziele Vieira

          CONTATO

            comercial@expandjr.com.br                +55 (21) 96941 9446
              /expandjr

              /expandjr

              @expandjr

linkedin.png
Facebook.png
instagram.png
ODS Expand.png